Avifauna do Parque Estadual da Várzea do rio Embu-Guaçu e sua importância para a conservação das aves de várzea da porção Sudoeste da Região Metropolitana de São Paulo.

Fabio Schunck, Kleber Evangelista Rodrigues

Resumo


O propósito deste estudo foi organizar os dados não publicados e produzir novas informações ornitológicas para o Parque Estadual da Várzea do rio Embu-Guaçu (PEVEG), localizado no município de Embu-Guaçu, porção Sudoeste da Região Metropolitana de São Paulo (RMSP). O objetivo principal foi identificar espécies de interesse para conservação, como destaque para as aves endêmicas da Mata Atlântica, ameaçadas de extinção e migratórias. Foram realizadas nove visitas de campo entre 2001 e 2013, em diferentes áreas desta UC, principalmente nos ambientes de várzea. Os registros foram obtidos através do método de observação direta, com detecção visual e auditiva e documentação através de fotografia e gravação da vocalização quando possível. Este trabalho identificou um total de 204 espécies de aves para o PEVEG, distribuídas em 52 famílias, sendo sete táxons ameaçados de extinção. Estes resultados mostram que esta UC é extremamente importante para a conservação das aves da Bacia do Guarapiranga e da porção Sudoeste da RMSP, principalmente aquelas espécies que ocorrem em ambientes de várzea, um tipo de formação natural que se tornou extremamente raro e ameaçado nesta região do Estado de São Paulo por conta da alta taxa de ocupação urbana das últimas décadas. Os dados também mostram que esta UC precisa urgente de um Plano de Manejo e da criação de áreas de conservação em seu entorno direto.

Palavras-chave


Aves; espécies ameaçadas; espécies migratórias

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Para visualisar/abrir os manuscritos da revista (arquivos PDF) é necessário o software Acrobat Reader. Se você não possui este software, clique aqui para fazer o download da versão atualizada, em português. O software é gratuito e de fácil utilização.

________________________________
Copyright © 2010-2015 CEMAVE/ICMBio.
OJS - Open Journal Systems customizado pelo Núcleo de Tecnologia da Informação/CEMAVE.
Utilizada a tradução do SEER-IBICT para o Português-Brasileiro.

(Recomendamos utilizar o Mozilla Firefox , Google Chrome e resolução mínima 1024 x 768 pixels)