Avifauna do Parque Ecológico do Guarapiranga e sua importância para a conservação das aves da Região Metropolitana de São Paulo.

Fabio Schunck, Marcos Antônio Melo, Lilian Aparecida Sanches, Fernando Igor de Godoy, Gisele Guimarães Martins, Peter Mix

Resumo


O Parque Ecológico do Guarapiranga (PEG) está localizado na porção Sudoeste da Região Metropolitana de São Paulo, sendo uma das maiores UCs localizadas na região da bacia do reservatório Guarapiranga, situado ao Sul da cidade de São Paulo. Seus estudos ornitológicos tiveram início na década de 1990 e foram realizados de maneira simples e ocasional até 2007, quando começou o estudo atual, sendo o único efetuado de maneira sistemática e contínua entre 2008 e 2012 e depois com inventários complementares em 2013 e 2014, totalizando 242 horas de campo. Este trabalho determinou a presença de 197 espécies de aves para o PEG, sendo 36 endêmicas da Mata Atlântica, uma ameaçada de extinção a nível nacional e quatro a nível estadual. Esta diversidade é altamente significativa quando comparada a outras UCs da região Metropolitana de São Paulo, sendo atualmente uma importante região para conservação das aves deste Estado, principalmente em relação às espécies de ambiente aquático e migratórias neárticas.

Palavras-chave


Aves; levantamento; espécies ameaçadas; espécies migratórias

Texto completo: PDF PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Para visualisar/abrir os manuscritos da revista (arquivos PDF) é necessário o software Acrobat Reader. Se você não possui este software, clique aqui para fazer o download da versão atualizada, em português. O software é gratuito e de fácil utilização.

________________________________
Copyright © 2010-2015 CEMAVE/ICMBio.
OJS - Open Journal Systems customizado pelo Núcleo de Tecnologia da Informação/CEMAVE.
Utilizada a tradução do SEER-IBICT para o Português-Brasileiro.

(Recomendamos utilizar o Mozilla Firefox , Google Chrome e resolução mínima 1024 x 768 pixels)